Buscar

Alfabetizando em Montessori T21

No método Montessori, o processo de alfabetização é diferente do convencional e os alunos têm autonomia para seguir seu próprio ritmo de aprendizado. A criança começa aprendendo a escrever para depois ler, como uma consequência natural. O ambiente é preparado segundo objetivos previamente estabelecidos e, por oferecer várias opções de trabalho, a criança é livre para escolher o que deseja realmente fazer, pois entendemos que ela se desenvolverá naturalmente com o desabrochar de suas potencialidades. Outras características do método que auxiliam diretamente na alfabetização são a organização, a educação dos sentidos e dos movimentos, o estímulo à leitura e o respeito às características de cada criança. Os pais são estimulados também a realizar um trabalho em conjunto. Deve haver colaboração entre as partes, estimulando a observação, a verbalização e a conversação para o enriquecimento do vocabulário infantil. Atividades lúdicas como jogos de atenção, concentração, percepção, bem como atividades ao ar livre são altamente estimulantes. O interesse pela leitura deve ser despertado com prazer. Como acontece a alfabetização no Método Montessori * Escrever antes de ler: no método Montessori, a aprendizagem da escrita precede a da leitura, na qual inicialmente as palavras são montadas com um alfabeto móvel, sugeridas por objetos ou imagens. * Os sentidos são estimulados: a professora apresenta inicialmente as vogais, com as letras em forma de lixa. A professora mostra como traçar a letra com os dedos. Deste modo, a criança percebe três impressões simultâneas: tátil, da forma e do som correspondente à letra. Na alfabetização Montessoriana, a criança deve fixar o som fonético das letras, antes da ordem alfabética. * Consoantes: Após o domínio das vogais, são apresentadas três consoantes, sempre acompanhadas das vogais para que o primeiro contato seja através do som. E logo que a criança aprender poderá formar palavras com os elementos conhecidos, utilizando o alfabeto móvel. * Alfabeto móvel: é utilizado para permitir à criança a análise dos sons e construção de palavras, sempre por atividade pessoal. Não é o fato de a criança formar palavras com fonemas conhecidos que garante que ela esteja em condição de ler. Isso acontece quando a criança, depois de construir várias palavras, após muitos dias, manifestar a “explosão da leitura”, sendo capaz de compreender palavras que outra pessoa formou.

652 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo